Camisa de seda – O novo curinga da moda

Coluna de moda da Maison Poison no Jornal Tri do dia 22/02.

Todos nós sabemos que no entra e sai da moda existem peças intocáveis que permanecem atemporais sendo indispensáveis de se ter no guarda roupa. Há estas peças denominamos curingas, pois são versáteis e garantem vários looks. Por muito tempo o jeans, o pretinho básico, a camisa branca e um bom terno de alfaiataria lideraram o ranking desta disputa, mas como tudo na moda é efêmero, o mundo mudou.

Matéria da Revista Estilo, edição de Março de 2011, pag. 47

Matéria da Revista Estilo, edição de Março de 2011, pag. 48

Pois é, novos ventos sopram no cenário fashion e agora uma nova peça passa ser a mais importante na vida das mulheres – a camisa de seda. Adotada pelas principais fashionistas do mundo como, por exemplo, Giovanna Battaglia e Taylor Tomasi Hill, editoras de moda, indicada por todos stylists para compor qualquer visual e apresentadas nas coleções de quase todos os estilistas nas coleções nacionais e internacionais, a camisa de seda veio pra ficar e já foi aceita por quase todas as mulheres elegantes. Uma amostra disso pode-se ver inclusive nas novelas da Globo como: Tititi e Insensato Coração no qual muitas personagens usam camisas de seda.

Com certeza você deve estar se perguntando como e porque investir numa camisa de seda, a resposta é simples, em tempos de resgate da elegância e feminilidade perdidas, e da busca constante por peças de luxo para compor o guarda roupa, nada mais justo do que uma camisa de seda ocupar o posto de curinga da moda. Além do mais, nada mais feminino e sensual que a seda. Ao vesti-la envolve a silhueta da mulher desenhando seus contornos de maneira graciosa sem ser vulgar. Por isso, segundo Sara Harris, editora da vogue inglesa, o valor de uma camisa de seda comparado a uma de algodão deve ser multiplicado por mil em termos de efeito.

DICAS:

– Em primeiro lugar, camisa de seda como o próprio nome já diz é de seda, portanto não banque a miserável. Invista em seda pura e nada de imitações em poliéster, viscose, etc…

– Sendo seda todas as opções são bem vindas, desde brancas, coloridas e estampadas. Tudo é valido;

– Preste atenção na modelagem, em se tratando de seda o que vale é o caimento da peça. Portanto, prefira o corte mais largo e com movimento;

– Você pode usar a peça de várias formas, como por exemplo, com saia midi de alfaiataria que atualmente é o must da moda;

– Use também com calças de cintura alta, shorts, bermudas e ternos, com peças despojadas e mais alinhadas, pois a seda é confortável e pode ser usada desde o dia até a noite sem perder a elegância. Vinte e quatro horas por dia.

Matéria do Jornal Zero Hora, caderno Donna, dia 20/03/2011 , pag. 14.

Matéria do Jornal Zero Hora, caderno Donna, dia 20/03/2011 , pag. 15.

Matéria do Jornal Zero Hora, caderno Donna, dia 20/03/2011 , pag. 16.

Lauro Lohmann

Workshop com Patrícia Pontalti!

Estação Mulher traz em abril uma palestra única com Patrícia Pontalti.

A Maison Poison participa de um projeto chamado “Estação Mulher”, cada mês é feito um evento exclusivo para nossas clientes mulheres! Esse mês de abril, estamos trazendo a jornalista e consultora de moda Patrícia Pontalti do blog “As Patrícias”. O workshop será no dia 27/04, às 20h no Estação da Mata. Para quem quiser conhecer mais sobre a blogueira, acesse o site www.aspatricias.com.br, leia os posts, veja os vídeos e depois vá ao nosso evento!

Contamos com a presença de todos!

Daniele Limana Bauce

Noiva Evanise

Noiva Evanise – Casamento dia 10/04/10.

Há um ano atrás, a noiva  Evanise casou-se com um lindo vestido Maison Poison. O modelo adotado para a ocasião foi um estilo sereia, o corpo transparente em organza cristal com renda em formato de flores rebordadas e a saia em organza cristal. As fotos são da Foto Andréia.

Parabéns ao casal!!! Felicidades sempre!!!

Beijos da equipe Maison Poison

Trash the dress

Ensaio Fotográfico Trash the dress. Vestido de noiva: Maison Poison. Fotos: Click Estúdio Fotográfico.

Você já ouviu falar em Trash the dress? Não? Pois é a nova sensação entre os casais de noivos. Um ensaio fotográfico de casamento onde não existe preocupação com o vestido. O casal pode entrar na água, rolar na areia, deitar no chão, correr em um campo florido e tudo mais que a imaginação permitir. Praias, fazendas, ruinas, cachoeiras, parques, bosques, costumam resultar em fotos incríveis que os noivos não conseguiriam em estúdios ou em lugares mais tradicionais.

Pela tradução literal, “Trash the Dress”, de origem norte-americana, seria “jogar o vestido no lixo”, mas a versão da proposta adotada no Brasil não costuma ser radical ao ponto de não sobrar nada do vestido. Nós, brasileiros, somos mais flexíveis, a noiva não destrói o vestido, apenas não tem medo de molhar ou sujar. A primeira impressão parece que vai destruir a roupa, mas na prática não é bem isso que acontece. O ensaio pode agredir bem menos o vestido do que a própria festa. Quer sujeira pior do que aquela na barra do vestido depois de arrastá-lo pelo salão?

A fotógrafa Ane Elise Apio, da Click Estúdio Fotográfico de Ijuí fez um ensaio Trash the dress com um vestido da Maison Poison, e podemos garantir que depois de lavado ele ficou novinho pra próxima! Para noivas com essa disposição de fazer o ensaio, temos vestidos lindos de noiva de 2° aluguel que podem render belas fotos!

Vejam as fotos do ensaio!

Daniele Limana Bauce

Revista Impacto

Lançamento do Revista Impacto em Santo Ângelo!

Hoje é o lançamento da Revista Impacto, com um caderno especial, o Especial Mulher, falando sobre o universo feminino. Como a Maison Poison entende muito das mulheres, pois fizemos roupas só para elas, a nossa empresa não poderia deixar de participar da revista com um belo anúncio. Esperamos que gostem!

Daniele Limana Bauce

15 anos Marta!!!

15 anos da Marta Carolina Bez em Tuparendi – Dia 12/03/2011.

Marta e suas amigas na festa!

Neste mês de março, no dia 12, ocorreu a lindíssima festa de 15 anos de Marta Carolina Bez em Tuparendi. E a Maison Poison fez o seu belo vestido logo e o curtinho rosa pink neon para usar na festa. Confira as imagens que a fotógrafa Eliane Heinle fez de Marta com suas amigas na festa.

Marta com suas amigas!

Marta com as amigas!

O vestido longo rosa bebe tinha o corpo tomara que caia em tafetá toque de seda. A saia era mais curta na frente e longa atrás, trabalhada com flores em organza e em fita de cetim, com boás e bordado em pérolas, miçangas e paetês.

Arquivo Maison Poison

Arquivo Maison Poison

Arquivo Maison Poison

Arquivo Maison Poison

O vestido curto era em rosa pink neon, o corpo em tafetá todo bordado com vidrilhos e a saia em camadas de tule.

Arquivo Maison Poison

Arquivo Maison Poison

Aqui vocês podem ver o vídeo feito pela Brun Vídeo Produtora.

Parabéns Marta! Toda a felicidade pra você sempre!

Beijos da equipe Maison Poison!

Noiva Luana!

Casamento de Luana e Cléber em Santo Ângelo – dia 26/03/11.

Neste sábado, dia 26/03, aconteceu o casamento de Luana e Cléber. A cerimônia religiosa foi na Catedral Angelopolitana e a festa no Salão Azul do Clube Gaúcho em Santo Ângelo. O vestido da noiva foi confeccionado pela Maison Poison, o corpo era um frente única em zibeline e a saia em cascatas de organza.

Confira como foi o casamento olhando as fotos da fotógrafa Vick Almeida!!!

Felicidade aos Noivos!!!

Beijos da Maison Poison!!!

Look do dia: Mayana Neiva!

A atriz Mayana Neiva no Prêmio Melhores do Ano no Domingão do Faustão.

Amei o look desse domingo da atriz Mayana Neiva! Além de muito talentosa, Mayana está sempre muito bem vestida. Ela usou um vestido marfim cheio de recortes, de mangas longas (amo!), em decote V, com detalhe sutil de renda preta, nas costas havia um bordado em preto.

Nos acessórios, a atriz escolheu a cor preta: brinco, anel e sapato.

O detalhe das costas bordadas em preto.

Aqui vocês podem ver o vídeo.

Mayana Neiva no Prêmio Melhores do Ano

Daniele Limana Bauce

Cardigã!

Coluna de moda da Maison Poison no Jornal Tri do dia 24/03.

O outono está chegando e com ele as novas tendências da temporada. Poucas pessoas sabem, mas uma das peças mais cotadas da estação surgiu na guerra da Criméia, quando o conde inglês de Cardigan teve seu casaco rasgado em batalha, o mesmo foi consertado por uma empregada que o tornou mais confortável, o conde satisfeito encomendou mais peças em malha escocesa fazendo surgir o cardigã. Mais tarde, Chanel popularizou a peça nas suas coleções e, hoje o cardigã além de ser um clássico é um item básico, prático, confortável e obrigatório no guarda roupa de homens mulheres e crianças.

Nas coleções outono-inverno 2011, o cardigã aparece nos mais variados estilos e formas, desde os tricotados rústicos em alto relevo com pontos e trançados, bem como em tramas leves e pontos pequenos com abordagens mais românticas e femininas como aplicações de rendas e bordados. Também são bem vindos os listrados em estilo nave, as modelagens em malharia plana como moletinho, veludo molhado e plush, ou em padronagens como o tweed e o bouclé.


Como usar:

– com peças casuais como camisa branca, jeans, tshirt, garante um visual moderno, limpo e confortável para dia a dia;

– use também com peças mais formais como ternos e calças de alfaiataria, neste caso pode ser usado com cinto marcando a cintura para deixar o look mais feminino;

– outra forte tendência é combiná-lo com saia mais rodada numa proposta mais fashion e chic do estilo dioríssimo, em alta nesta estação;

– para os homens o cardigã é ainda mais indispensável, pois pode ser usado em estilos casuais e formais em combinações joviais e mais austeras, pode inclusive ir ao escritório no lugar do blazer e, ainda ser combinado com gravata.

Lauro Lohmann